“No muito falar não falta transgressão, mas o que modera os lábios é prudente.” Provérbios 10.19

Eu preciso calar minha boca! Diversos versículos na Bíblia falam da importância de dominar os lábios e a língua. E o que eu mudei até hoje? Praticamente nada! As vezes percebo que se eu tivesse ficado calado o problema seria 100 vezes menor. Como também sou teimoso, depois que entro em uma discussão sou difícil de parar e me mantenho na estúpida vontade de “mudar” a opinião e ideia de quem quer que eu esteja falando.

Quem cala consente? Quem cala concorda? É melhor se calar do que ser arrogante. Em Provérbios 17.28 é bem clara a importância de se calar: “Até o estulto, quando se cala, é tido por sábio, e o que cerra os lábios, por sábio“. É muito simples, basta fechar a boca. Porém não é fácil, envolve nosso orgulho, necessidade de ser ouvido e desejo de que sigam o que dizemos.

Antes de casar eu achava que era sábio e com várias ideias boas. Que bobinho. Casei e descobri que me achar sábio era uma mistura de soberba com burrice. Todos meus erros quando eu era solteiro foram potencializados quando casei. Não porque passei a errar mais, mas porque agora eles (os erros) são notados diariamente por minha esposa, que graças a Deus está sempre ao meu lado me ajudando. Uma coisa me ajudaria bastante, falar menos e ouvir mais.

Tenho certeza absoluta que Casamentos são para a glória de Deus e como Paulo escreve em Filipenses 1.6 “Estou plenamente certo de que aquele que começou boa obra em vós há de completá-la até ao Dia de Cristo Jesus.” Essa verdade me consola e me leva a crer que algum dia o Senhor vai me dar maturidade para saber quando falar e quando calar.

Que o Senhor tenha misericórdia de mim e de minha esposa que é alvo de minhas constante trapalhadas.

Falar menos me ajuda a ouvir mais. Ouvir mais me ajuda a falar menos.

Perseveremos.

Ouvindo: O álbum “Hvarf/Heim” dos estranhos Sigur Rós.
Foto: Pontão, Brasília, Janeiro de 2015.
Originalmente publicado no Rumo ao Alvo

            

Related Articles

Sobre o autor Veja todos os posts Author website

Estevão Avillez

Me faço ninguém, para que Ele seja sempre o Alguém, de quem ninguém consegue viver sem. Escrevendo também no rumoaoalvo.com :)