Preciso e mui amado discípulo de Jesus,

Você não faz idéia de como me foi precioso aquele teu abraço. Senti como se o Senhor estivesse me abraçando, me amando e me perdoando. Eu não sou melhor que você em coisa alguma, tenho minhas tentações e tenho meus pecados a serem vencidos diariamente. E, o pior de tudo, tenho portas que nunca deveriam ter sido abertas, mas foram. Isso parece que perturba mais ainda.

Mas nosso Deus é misericordioso e bom. 

Apesar dos quilômetros de distancia física entre nós, há todavia a presença do Espírito Santo de Deus dentro nós, que nos aproxima daquele que realmente é o que interessa, o que vale a pena e que nos dá vida. Você lembra do que o Senhor já lhe falou neste texto?

Não vos lembreis das coisas passadas, nem considereis as antigas. Eis que faço coisa nova, que está saindo à luz; porventura, não o percebeis? Eis que porei um caminho no deserto e rios, no ermo. Os animais do campo me glorificarão, os chacais e os filhotes de avestruzes; porque porei águas no deserto e rios, no ermo, para dar de beber ao meu povo, ao meu escolhido, 21 ao povo que formei para mim, para celebrar o meu louvor. (Is 43:18-21)

Isso é um exercício contínuo. Permita-me repetir: C O N T Í N U O !! Isso mesmo. Todas as vezes que me vem a memória a maldade do meu passado, vem no meu coração as nossos múltiplos pecados, também tenho que trazer, à memória, o sangue de Jesus que nos purifica de toda maldade. Fomos lavados pelo sangue do Cordeiro. Agora…

Porque, se viverdes segundo a carne, caminhais para a morte; mas, se, pelo Espírito, mortificardes os feitos do corpo, certamente, vivereis. (Rm 8:13)

Precisamos tomar a cruz, fazer morrer minha carne: os desejos, a vontade, as concupiscência, a maldade, a curiosidade, minhas carências, sentimentos e emoções, minha lógica e razão, o ego o superego.. Enfim, minha alma. Sim, a alma é a parte da carne não tangível. A alma que impor ao nosso espírito tudo que é seu. Mas…

Nós, porém, não somos dos que retrocedem para a perdição; somos, entretanto, da fé, para a conservação da alma. (Hb 10:39)

Não retrocedemos nem para pegar impulso, como diria Mário. Mas o que mantém nossa alma, é a fé! Nem razão nem emoção. Só a fé é necessária para conservar integra nossa alma. E, pela fé lembramos:

Estou plenamente certo de que aquele que começou boa obra em vós há de completá-la até ao Dia de Cristo Jesus. (Fp 1:6 )

E, assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura; as coisas antigas já passaram; eis que se fizeram novas. (2Co 5:17)

Como nova criatura sei que Ele é fiel e irá completar a boa obra que começou em mim, em nós. Não nos abandona, não esquece de nós. Assim, apontando a nossa bússola para o Alto, Cristo Jesus, devemos correr a carreira que nos está proposta.

Portanto, também nós, visto que temos a rodear- nos tão grande nuvem de testemunhas, desembaraçando- nos de todo peso e do pecado que tenazmente nos assedia, corramos, com perseverança, a carreira que nos está proposta, olhando firmemente para o Autor e Consumador da fé, Jesus, o qual, em troca da alegria que lhe estava proposta, suportou a cruz, não fazendo caso da ignomínia, e está assentado à destra do trono de Deus. Considerai, pois, atentamente, aquele que suportou tamanha oposição dos pecadores contra si mesmo, para que não vos fatigueis, desmaiando em vossa alma. (Hb 12:1-3)

Preocupe-se com as coisas lá do Alto, e corra. Deixa que o mais (o lado profissional, sentimental, material) nosso Deus e Pai o fará. Ele lhe dará no devido tempo. Não olhe para você, para não se cansar até ao ponto de desmaiar na alma.

Com muito amor, recomeçando sempre que for necessário,

Homem como Você

Nós também somos homens como vós, sujeitos aos mesmos sentimentos, e vos anunciamos o evangelho para que destas coisas vãs vos convertais ao Deus vivo, que fez o céu, a terra, o mar e tudo o que há neles; (At 14:15)

Print Friendly, PDF & Email

Related Articles

Sobre o autor Veja todos os posts Author website

Sérgio Avillez

Pastor que nas horas vagas gosta de fotografar o belo.
Oração: Minha necessidade, meu prazer!