A Nossa Selfie

Tornai-vos, pois, praticantes da palavra e não somente ouvintes, enganando-vos a vós mesmos. 23 Porque, se alguém é ouvinte da palavra e não praticante, assemelha-se ao homem que contempla, num espelho, o seu rosto natural; 24 pois a si mesmo se contempla, e se retira, e para logo se esquece de como era a sua aparência. 25 Mas aquele que considera, atentamente, na lei perfeita, lei da liberdade, e nela persevera, não sendo ouvinte negligente, mas operoso praticante, esse será bem-aventurado no que realizar. 

Tiago 1:22-25

Ou desprezas a riqueza da sua bondade, e tolerância, e longanimidade, ignorando que a bondade de Deus é que te conduz ao arrependimento?

Romanos 2:4

Quando terminamos a leitura do livro de Jonas, temos a impressão que acabamos de tirar uma “selfie” mais íntima possível: do nosso coração. Não estou falando do órgão que bate em nosso peito, nem dos cartões românticos que se dá para a pessoa amada. Coração, para o povo hebreu, é o centro do homem, de onde partem todas as decisões mais íntimas, seguido dos desejos e vontades. 

Diferentemente dos demais livros proféticos este livro é mais histórico que profético. O personagem principal não é Jonas, o autor, nem o grande peixe, como é lembrado. E sim Deus. O livro começa com Deus falando e termina com Deus perguntando. No meio aparecem os personagens coadjuvantes: Jonas, os marinheiros, o grande peixe, os habitantes de Nínive, o verme e você leitor. Todos criaturas de Deus. Alguns obedientes, outros não. 

Deus intervém na história e ninguém consegue impedir. Nada foi casual. 

Além de contemplarmos o amor divino através de sua bondade, de sua paciência e de sua misericórdia, também podemos descobrir que este amor se estende às nações. Foi o profeta enviado a um povo pagão, idólatra e mau. Este livro é um dos exemplos mais claros, na Palavra, do grande amor de Deus por todas as nações. 

Esta história pode ser dividida em 4 partes bem distintas e claras. Cada parte, excetuando a primeira, começa no último versículo do capítulo anterior. A lista abaixo, é como um índice, é só clicar para ir direto ao tópico. 

  1. A Grande tempestade: a Fuga
  2. O Grande peixe: o Clamor
  3. A Grande cidade: a Conversão
  4. O Grande Deus: a Selfie 

Não há nenhuma dúvida que este livro foi escrito pelo próprio profeta. Sem melindres expõe a si mesmo de forma nua e crua. Ele não fala de si pois não quer chamar atenção. Apenas a oração do capítulo 2 está na primeira pessoa. 

Observa-se o conhecimento de Jonas da Palavra de Deus. A oração são citações do livro de Salmos. Jonas expõe bem claro o seu apego às suas idéias e conceitos, que ele mesmo chamará de idolatrias vãs. 

Nesta história podemos notar: 

  • 📣 Deus falando
  • 🏃‍♂️ As fugas
  • ⏬  As descidas
  • 🙏 As orações
  • 🌟 Os milagres
  • 🎯 O Propósito de Deus
  • 💟 O nosso coração

E veremos:

  • 🏛  Algumas palavras no Original
  • 🗺  E algumas distâncias em quilômetros.

Espero que você se deixe ser fotografado e revelado com a leitura e estudo deste livro. Que você possa tomar decisões acertadas, mesmo sem gostar delas. Que teu coração seja tomado pela Palavra de Deus. Que você possa proclamar o Reino de Deus por onde quer que passe, para a glória do nosso Deus.

Que Deus te abençoe e te guarde.

Primavera de 2020

… sérgio de avillez … 

Jonas, 8 ou 80

Assim vejo Jonas. Acredito que ele era um cara muito intenso nas suas emoções: amava com força, odiava com força e tinha raiva com muita força. 

Deus mandou Jonas ir pra Nínive. Ele tentou fugir, dar um rolê de barco e ir pra outra cidade. Vendo que ele não queria ir, Deus jogou a tempestade! Todos estavam desesperados, mas só o bonitão lá… dormindo, sem ligar muito pro que estava acontecendo. Quando eles tiraram no 2 ou 1, no par ou ímpar, no cara ou coroa, ou algo assim… pra ver quem era o culpado… Deus fez cair logo no Jonas!!!  Sem erro! Como era um cara intenso, confessou logo e disse que estava disposto a arcar com as consequências, que o jogassem no mar! Sempre tudo ou nada.

Deus teve misericórdia de Jonas mandando o peixe, para salvar a vida dele. Eu acho… meio impossível, porque estudei a rota das baleias e elas não passam nem PERTO de onde Jonas foi engolido… Mas Deus é poderoso e sabe-se lá que peixe foi, né? (Ah, baleia não é peixe).

Jonas acabou se entregando e indo para a grande cidade. Fez em um dia o que era pra ter sido feito em três dias (o tempo que uma pessoa normal levava para percorrer a cidade de Nínive). Isso mostra a intensidade em que Jonas vivia, sempre com muita força. E aí, Deus teve misericórdia de Nínive, perdoando o povo, e isso causou em Jonas um sentimento de traição, vergonha… eu acredito que ele se sentiu fazendo papel de palhaço. Deus manda ele avisar a cidade que vai ser destruída em 40 dias e… chega no dia e nada acontece.

— Poxa, você tinha falado Deus! e agora, deu pra trás? E eu? Como fico? E minha imagem? 

Jonas deve ter ficado revoltado, tanto é que pediu pra Deus tirar a vida dele. Viver com aquela raiva e vergonha não valia a pena aos seus próprios olhos, mostrando a forma intensa de viver. Será que ele era bi-polar?

Bom, Deus foi bondoso em mandar uma plantinha pra proteger do sol, mas mostrou sua justiça mandando a lagarta destruir a plantinha. Jonas era tão egoísta que ficou mais bravo ainda.

— POW DEUS! TU MANDA A PLANTINHA E AGORA MATA ELA? Qual é?  

— E aí Jonas? Deus teve misericórdia de milhares de pessoas e você se revolta e pede pra morrer?

Eu, por muitos anos fugi de Deus, mas ele me lançou ao mar e fez um peixe me engolir, me deu uma carona at

é onde eu tinha que estar…

Tudo isso mostrou alguns defeitos no meu caráter. Eu sou muito intenso na minha maneira de viver e muitas vezes tomo decisões complexas em meio a muita emoção, e pelo exemplo de Jonas a gente vê que não deu, nem dá certo.
Eu, por muitos anos fugi de Deus, mas ele me lançou ao mar e fez um peixe me engolir, me deu uma carona até onde eu tinha que estar…
Eu tive um passo de fé, tive arrependimento e confessando tudo, joguei tudo pro alto. Com a mesma força que eu pequei eu voltei, igual Davi. Mas que Deus me colocou dentro do peixe pra dar uma ajudinha… não posso mentir!!! kkkkk
Muito bom! Valeu Jesus!

AS7   

Outubro de 2020

Este texto foi escrito por um jovem discípulo, de uma cidade distante, que em meio as nossas conversas, me inspirou a estudar mais sobre Jonas. Valeu queridão. Muito obrigado. Este trabalho é dedicado a você. Deus o abençoe. Vamos adiante. 

Capítulo 1: A Grande tempestade – a FUGA

1Veio a palavra do SENHOR a Jonas, filho de Amitai, dizendo: 

Na Bíblia encontramos muito pouco sobre Jonas, além do nome e sua filiação temos: 2 Rs 14.25 >

  1. um profeta de Israel, o Reino do Norte, durante o reinado de Jeroboão II (793-753 a.C.); 
  2. Um cidadão de Gate-Hefer, que fica próximo a Nazaré.
  3. Seu ministério foi depois de Eliseu
  4. Parcialmente contemporâneo de Amós > Am 1:1
  5. Seguido por Oséias > Os 1.1 

… Veio a palavra do SENHOR…

De uma forma bem convencional, é introduzida esta história. Aqui vemos a  primeira vez que Jonas recebe esta determinação de Deus de ir a Nínive. A segunda vez: Jn 3:1 >

🏛 O significado de Jonas é pomba. Uma pomba sempre busca lugares seguros.

O lugar mais seguro para qualquer homem é no centro da vontade de Deus.

Só não vamos para algum lugar quando a nossa mente “acha” que aquele lugar não é seguro.

Veremos como Deus lida com um homem que foge. 

Jonas fugiu pois alguma coisa doeu nele. Ele sabia que Israel seria levada cativa para a Síria. Talvez tenha feito este simples raciocínio: eu não indo, Deus destrói esta nação e, nós os judeus, não seremos levados cativos para lá!

Jn 4:2 > Não foi isso o que eu disse, estando ainda na minha terra?

2Dispõe-te, vai à grande cidade de Nínive e clama contra ela, porque a sua malícia subiu até mim.

Dispõe-te… 

Deus dá uma ordem. Não é uma sugestão nem convite. Esta mesma expressão irá aparecer algumas vezes. 

🗺 Distâncias: 

  • Onde mora, Gate-Hefer para Nazaré: ± 5 km
  • Jerusalém para Nínive: ± 800 km, a leste
  • Jerusalém para Jope: ± 51 km, beira mar
  • Jope para Tarsis: ± 3700 km, a oeste

clama contraela… 

Deus determina que Jonas vá a Nínive dando pouca orientação e explicação. 

… sua malícia… 

Este povo era conhecido por sua maldade e crueldade. Povo belicoso, idólatra, e tomado de  impurezas sexuais. Talvez haja um paralelo com Sodoma e Gomorra, onde Jonas deveria fazer como os mensageiros divinos lá enviados (Gn 18:20-21).

3 Jonas se dispôs, mas para fugir da presença do SENHOR, para  ; e, tendo descido a Jope, achou um navio que ia para Társis; pagou, pois, a sua passagem e embarcou nele, para ir com eles para Társis, para longe da presença do SENHOR.

🏃‍♂️ … se dispôs, mas para fugir da presença…

Teve uma reação imediata, mas para fugir. 

Invariavelmente fugimos da dor e dos medos, todavia Jonas não demonstra ser medroso. Ele fugiu por causa de alguma dor. 

💭 Podemos perceber que Jonas sabia que sua nação Israel seria levado cativa, e para a Síria. 

… se dispôs…

💭 Planejou, pensou, calculou. Aqui se repete o mesmo verbo dado por Deus no verso 2.

… da presença… … para longe da presença…

Deixa a impressão que Jonas acreditava que era possível fugir do Senhor. Se fosse para algum lugar muito longe, estaria fora da jurisdição de Deus. 

Jonas está obstinado em sua rebeldia e não quiz se lembrar que é impossível fugir de Deus.

Sl 139: 7-10 > Para onde me ausentarei do teu Espírito? Para onde fugirei da tua face?

…tendo descido a Jope…

Jope, hoje Jafa, significa beleza, formosura.

Jonas começa a descer da região de Nazaré para Jope. Depois embarca para Tarsis, um paraíso distante, na direção oposta a Nínive.

O homem sempre que busca um lugar seguro, longe do Senhor, acaba se expondo. 

A segurança do homem está em fazer a vontade do Senhor. 

O preço da fuga da presença do Senhor, é o não crescimento. Quando um homem foge, invariavelmente é porque, foge de suas verdades, de suas questões pessoais, da direção de Deus, da face do Senhor.

4 Mas o SENHOR lançou sobre o mar um forte vento, e fez-se no mar uma grande tempestade, e o navio estava a ponto de se despedaçar.

🌟 … uma grande tempestade… 

As ações de Jonas ou as nossas, provocam uma reação do Senhor: uma tempestade, uma crise, uma situação mais difícil, para que o homem se abra à verdade. 

Um plantou, muitos irão colher.

A tempestade veio sobre todos que estavam naquele mar. Como marinheiros, acostumados a conhecer o tempo, jamais sairiam com o barco se estivesse armando uma tempestade.

… a ponto de se despedaçar…

Lembrando que naquele tempo os barcos eram de madeira.

🌟 Milagres, além da conversão: 

  1. A tempestade repentina: Jn 1:4
  2. Jonas identificado pela sorte:  Jn 1:7
  3. A calmaria imediata: Jn 1:15
  4. Jonas engolido pelo grande peixe > Jn 1:17
  5. Jonas é vomitado em terra: Jn 2:10
  6. Crescimento da planta numa noite: Jn 4:6
  7. O verme mata a planta noutra noite: Jn 4:7
  8. O vento quente do deserto: Jn 4:8 

5 Então, os marinheiros, cheios de medo, clamavam cada um ao seu deus e lançavam ao mar a carga que estava no navio, para o aliviarem do peso dela. Jonas, porém, havia descido ao porão e se deitado; e dormia profundamente.

… os marinheiros, cheios de medo…

Normalmente estes homens são conhecidos como corajosos, pois conhecem bem o mar, mas aqui estão apavorados.

… clamavam cada um ao seu deus…

🙏 Tal era a angústia que pagãos idólatras oravam. Aliás, eles se mostram mais sensíveis que o profeta. Enquanto Jonas continua descendo…

… havia descido ao porão…

Jonas no seu processo de fuga, continua descendo. Interessante notar que nós fazemos exatamente a mesma coisa. A fuga não nos leva para o alto! 

💤 … dormia profundamente…

🏃‍♂️ O sono aqui é fuga. Qual será a nossa fuga?

Lc 22:45 > … os achou dormindo de tristeza…

6 Chegou-se a ele o mestre do navio e lhe disse: Que se passa contigo? Agarrado no sono? Levanta-te, invoca o teu deus; talvez, assim, esse deus se lembre de nós, para que não pereçamos.

Os pagãos, que não tinham comunhão com Deus, estavam curiosos com o que o profeta teria feito, pois aquilo era coisa de Deus. 

Fazem perguntas. Jonas responde quase todas, só não diz que era profeta. 

… Que se passa contigo?…

Claramente percebem que Jonas está fugindo! 🏃‍♂️

🏛 … Levanta-te…

Ou dispõe-te é a mesma palavra que encontramos no verso 2 e 3.

7 E diziam uns aos outros: Vinde, e lancemos sortes, para que saibamos por causa de quem nos sobreveio este mal. E lançaram sortes, e a sorte caiu sobre Jonas.

… lancemos sortes… 🌟 … lançaram sortes…

2º milagre

Como não tinham o Espírito Santo, lançam sortes. Veremos que isto se seguiu na igreja até o derramamento do Espírito Santo.

8 Então, lhe disseram: Declara-nos, agora, por causa de quem nos sobreveio este mal. Que ocupação é a tua? Donde vens? Qual a tua terra? E de que povo és tu? 

… Declara-nos… 

Os marinheiros estavam curiosos para entender aquela tempestade fora do natural. Fazem quatro perguntas.

9 Ele lhes respondeu: Sou hebreu e temo ao SENHOR, o Deus do céu, que fez o mar e a terra.

… lhes respondeu…

Mas não todas as perguntas, não diz que é profeta de Deus.

… temo ao SENHOR…

Será que realmente teme ao Senhor? 

Jonas tem conhecimento claro de Deus, mas segue fazendo sua vontade. 

Tem fé mas não quer obedecer.

10 Então, os homens ficaram possuídos de grande temor e lhe disseram: Que é isto que fizeste! Pois sabiam os homens que ele fugia da presença do SENHOR, porque lho havia declarado.

🏃‍♂️ … ele fugia da presença…

Jonas está consciente da fuga, pois foi planejada, pensada e calculada.

11 Disseram-lhe: Que te faremos, para que o mar se nos acalme? Porque o mar se ia tornando cada vez mais tempestuoso.

… Que te faremos?…

Há reconhecimento que Deus era maior que seus deuses, suas idolatria, por isso o consultam.

12 Respondeu-lhes: Tomai-me e lançai-me ao mar, e o mar se aquietará, porque eu sei que, por minha causa, vos sobreveio esta grande tempestade.

… lançai-me ao mar…

🏃‍♂️ A fuga continua. 

Prefere morrer a ver a misericórdia de Deus. Não por falta de amor a Deus, mas, por sua idolatria à sua nação, por seu amor extremado a Israel, por seu nacionalismo.

… eu sei que, por minha causa…

Saber não é tudo! Sabe mas não obedece. 

Você age de forma contrária ao seu conhecimento? 

Lc 12:48 > àquele a quem muito foi dado, muito lhe será exigido

13Entretanto, os homens remavam, esforçando-se por alcançar a terra, mas não podiam, porquanto o mar se ia tornando cada vez mais tempestuoso contra eles.

… Entretanto, os homens remavam…

Enquanto Jonas deseja a morte, os pagãos desejam a vida. Não querem enviar nenhum homem para a morte. São pagãos, mas respeitam ao próximo, mesmo que seja o causador de tanto prejuízo.

14 Então, clamaram ao SENHOR e disseram: Ah! SENHOR! Rogamos-te que não pereçamos por causa da vida deste homem, e não faças cair sobre nós este sangue, quanto a nós, inocente; porque tu, SENHOR, fizeste como te aprouve.

🙏 … clamaram ao SENHOR…

Pagãos, idólatras começam a clamar ao único Deus verdadeiro. 

… tu, SENHOR, fizeste como te aprouve…

Reconhecem a soberania de Deus.

15 E levantaram a Jonas e o lançaram ao mar; e cessou o mar da sua fúria.

… e o lançaram…

Fazem como Jonas havia instruído. 

… e cessou o mar da sua fúria…

🌟 3º milagre! Visível a todos os homens.

16Temeram, pois, estes homens em extremo ao SENHOR; e ofereceram sacrifícios ao SENHOR e fizeram votos.

… Temeram em extremo ao SENHOR…

🏛  Temer ou admirar, reverenciar, honrar, respeitar. 

E, exatamente estes que não criam em Deus, o Criador. 

… ofereceram sacrifícios ao SENHOR e fizeram votos…

Oferta de gratidão. Adoram e se comprometem com Deus.

17 Deparou o SENHOR um grande peixe, para que tragasse a Jonas; e esteve Jonas três dias e três noites no ventre do peixe.

🌟 … um grande peixe…

4º milagre, um peixe. Provavelmente um cachalote gigante que obedece às ordens de Deus e recolhe Jonas para não se perder no mar. 

Este milagre ou sinal será citado por Jesus

Mt 12.40 > três dias e três noites no coração da terra

Mt 16.4; Lc 11.29-32 > nenhum sinal lhe será dado, senão o de Jonas

Nesta última referência acrescenta uma palavra sobre Nínive. 

Capítulo 2: O Grande peixe, o CLAMOR

1 Então, Jonas, do ventre do peixe, orou ao SENHOR, seu Deus,

… do ventre do peixe…

Mesmo no lugar mais improvável você pode orar. Não importa onde, Deus ouve.

 🙏 … orou ao SENHOR… 

Lembrou que poderia orar. É a primeira vez que vemos Jonas orando. 

… seu Deus… 

🏛 Deixa muito claro que não foi a nenhum deus pagão, mas a Elohym

… do ventre do abismo… 

🏛 Abismo no original é Sheol. Aqui se refere a morte. Do ventre, da profundidade do Sheol.

Como Jesus cita o sinal de Jonas, dá a entender que Jonas ressuscitou também da morte. 

Esta oração é totalmente recheada de citações de Salmos e nos mostra que Jonas era um bom conhecedor das escrituras. 

2 e disse: Na minha angústia, clamei ao SENHOR, e ele me respondeu; do ventre do abismo, gritei, e tu me ouviste a voz.

… Na minha angústia… 

O desespero e a angústia não são ruins, nos levam à presença do Senhor. 

Como cera, um filho de Deus, mesmo na contra mão, lembra de Deus e o busca e se derrete. Um incrédulo, diante da mesma situação se endurece ainda mais, como um barro no forno. 

Sl 18.6 > Na minha angústia, invoquei o SENHOR, gritei por socorro

… do ventre do abismo…

Observe que a palavra abismo no original é SHEOL, também traduzida como região dos mortos, inferno.

🏛 Esta palavra é diferente da palavra encontrada no verso 5.

Sl 120.1 > Na minha angústia, clamo

3 Pois me lançaste no profundo, no coração dos mares, e a corrente das águas me cercou; todas as tuas ondas e as tuas vagas passaram por cima de mim.

… tuas ondas e as tuas vagas…

Na Palavra, as ondas, podem ser entendidas como oscilação. O sobe e desce emocional ou espiritual.

… no coração dos mares…

A parte mais profunda dos mares. Onde normalmente, um cadáver vai parar, antes da decomposição que gera gases e o faz flutuar. 

Sl 42.7 > Um abismo chama outro abismo 

Neste verso de Salmos a palavra não é Sheol, mas sim profundidade (Theon) 🏛.

4 Então, eu disse: lançado estou de diante dos teus olhos; tornarei, porventura, a ver o teu santo templo?

… lançado estou de diante dos teus olhos… 

Sl 31.22 > excluído da tua presença

… tornarei a ver o teu santo templo?… 

Tornarei a ter comunhão contigo? Tornarei a me deliciar com a tua comunhão?

5As águas me cercaram até à alma, o abismo me rodeou; e as algas se enrolaramna minha cabeça.

… águas me cercaram até à alma…

Sl 69.1 >  as águas me sobem até à alma

… me cercaram … me rodeou … se enrolaram …

Entra numa crise de ansiedade e tenta fugir. 

… as algas se enrolaram na minha cabeça…

Ao mesmo tempo que está perdendo a vida, o profeta tem a impressão que está enlouquecendo. A palavra cabeça nos fala de pensamentos. 

… o abismo me rodeou…

Desceu até ao fundo do mar, provavelmente morrendo.

6 Desci até aos fundamentos dos montes, desci até à terra, cujos ferrolhos se correram sobre mim, para sempre; contudo, fizeste subir da sepultura a minha vida, ó SENHOR, meu Deus!

… fizeste subir da sepultura a minha vida…

Podemos notar que Jonas tem consciência que morreu e foi ressuscitado. Não de uma forma figurada!

Jesus sabia disso e se referiu que o mesmo ocorreria com Ele.

Sl 16.10 > não deixarás a minha alma na morte

7Quando, dentro de mim, desfalecia a minha alma, eu me lembrei do SENHOR; e subiu a ti a minha oração, no teu santo templo.

… Quando, dentro de mim, desfalecia…

No processo de morrer, clama ao Senhor.

… eu me lembrei do SENHOR…

Sl 18.6 > invoquei o SENHOR, gritei por socorro ao meu Deus

Sempre podemos nos relembrar do nosso Pai.

8 Os que se entregam à idolatria vãabandonam aquele que lhes é misericordioso.

… se entregam à idolatria vã…

A primeira vez que aparece ídolo na Bíblia é em Levíticos: deixar de olhar para Deus. 

O ídolo da segurança e do prazer. 

O ídolo de Jonas é a própria fuga ou qualquer coisa feita em excesso.

Sl 31.6 > Aborreces os que adoram ídolos vãos

Não é que existam ídolos que não sejam vãos. Mas sim, que a idolatria é vã. 

Além de Jonas expressar sua idolatria nas fugas, podemos observar o quanto seu coração estava duro. Poderia ter se arrependido quando a tempestade começou. Poderia ter confessado quando questionado pelos marinheiros. Mas… 

… abandonam aquele que lhes é misericordioso… 

Quanto perigo ao nos envolvermos com qualquer idolatria!

Ez 14.1-9 > homens levantaram os seus ídolos dentro do seu coração

9 Mas, com a voz do agradecimento, eu te oferecerei sacrifício; o que votei pagarei. Ao SENHOR pertence a salvação!

… voz do agradecimento… 

O profeta oferece sacrifício com contentamento. 

Sl 50.14 > sacrifício de ações de graças

… o que votei pagarei… 

Votei, isto é, com o que me comprometi, cumprirei. 

Ec 5:4-6 > Quando a Deus fizeres algum voto, não tardes em cumpri-lo

… Ao SENHOR pertence a salvação…

Sl 3.8 > Do SENHOR é a salvação

10 Falou, pois, o SENHOR ao peixe, e este vomitou a Jonas na terra.

🌟 … este vomitou a Jonas na terra…

5º  milagre:

Deus manda e as criaturas obedecem. Devolveu Jonas à terra, não no meio do mar.

Capítulo 3: A Grande Cidade, a Conversão

1Veio a palavra do SENHOR, segunda vez, a Jonas, dizendo:

📣 … Veio a palavra do SENHOR, segunda vez… 

🎯 Propósito de Deus

Deus não desiste dos seus planos. Continua chamando Jonas para a missão transcultural.  

2Dispõe-te, vai à grande cidade de Nínive e proclama contra ela a mensagem que eu te digo.

… Dispõe-te, vai… 

O Senhor não mudou de planos, dá a mesma ordem que no princípio. Jn 1:2 > 

… a mensagem que eu te digo…

Deus diz claramente o que Jonas deve proclamar. 

3Levantou-se, pois, Jonas e foi a Nínive, segundo a palavra do SENHOR. Ora, Nínive era cidade mui importante diante de Deus e de três dias para percorrê-la.

… Levantou-se, pois, Jonas e foi… 

É muito interessante que se repete as mesmas palavras do início desta história. 

🏛 Levantou-se é a mesma palavra traduzida para dispõe-te (Jon 1:3) 

Agora, o profeta obedece ao Senhor. 

… cidade mui importante diante de Deus…

O profeta sabía disso desde o princípio. E cidade muito importante por alguns fatos: 

  • grande: 3 dias para percorrê-la 
  • projeção sobre as demais nações
  • com enorme malícia
  • a violência e a crueldade Na 3.1-4 > 

4 Começou Jonas a percorrer a cidade caminho de um dia, e pregava, e dizia: Ainda quarenta dias, e Nínive será subvertida.

… caminho de um dia…

Entendo que não chegou a percorrer a cidade inteira, mas só caminhou um dia. E o efeito já era visível. 

📣 Proclama a mensagem que Deus manda:

… Ainda quarenta dias, e Nínive será subvertida…

Ou como na NAA 

… — Ainda quarenta dias, e Nínive será destruída…

Ou como na NVT

… Daqui a quarenta dias Nínive será destruída!…

Uma mensagem pequena, seis palavras em português e 5 em hebraico. 

Não houve nenhum preparo específico para esta mensagem. Não houve nenhum estudo específico. Não houve palavras de consolo nem o que deveriam fazer. Jonas proclama secamente a palavra.

5 Os ninivitas creram em Deus, e proclamaram um jejum, e vestiram-se de panos de saco, desde o maior até o menor.

… Os ninivitas creram em Deus… 

Mesmo sendo idólatras creram no Senhor, nosso Deus. É tão marcante que Jesus irá citar isso mais adiante: 

Mt 12.41 > se arrependeram com a pregação de Jonas

Lc 11.32 > Ninivitas se levantarão, no Juízo, com esta geração e a condenarão 

Houve uma conversão genuína mesmo diante de uma pregação tão pequena e singela.

A conversão é milagre do Senhor. Depende da nossa fé, da nossa oração e da nossa proclamação. 

🌟 O grande milagre de Deus: conversão de uma cidade inteira! 

… proclamaram um jejum…

O arrependimento produzindo quebrantamento. 

… desde o maior até o menor… 

Do mais velho até o mais moço. TODOS!

6Chegou esta notícia ao rei de Nínive; ele levantou-se do seu trono, tirou de si as vestes reais, cobriu-se de pano de saco e assentou-se sobre cinza.

… Chegou esta notícia ao rei…

Começou no povo e chegou ao rei. De baixo para cima. Algo verdadeiro e expontâneo. 

7 E fez-se proclamar e divulgar em Nínive: Por mandado do rei e seus grandes, nem homens, nem animais, nem bois, nem ovelhas provem coisa alguma, nem os levem ao pasto, nem bebam água;

… fez-se proclamar e divulgar… 

O rei manda ratificar com uma ordem, para que o povo faça o que já estava fazendo.

8 mas sejam cobertos de pano de saco, tanto os homens como os animais, e clamarão fortemente a Deus; e se converterão, cada um do seu mau caminho e da violência que há nas suas mãos.

🙏 … clamarão fortemente a Deus… 

Entenderam de tal forma que estavam tomados de pavor. E clamam ao único e verdadeiro Deus.

Neste estado se convertem ao Senhor. 

9Quem sabe se voltará Deus, e se arrependerá, e se apartará do furor da sua ira, de sorte que não pereçamos?

🙏 … Quem sabe se…

O temor é tal que buscam profundo arrependimento. Não em seus deuses mas no único e verdadeiro Deus.

É interessante notar que uma pequena pregação produziu o maior fruto que se tem notícia na história. 

🌟 É ação de Deus, ação do Espírito Santo.

10 Viu Deus o que fizeram, como se converteram do seu mau caminho; e Deus se arrependeu do mal que tinha dito lhes faria e não o fez.

… como se converteram do seu mau caminho…

Deus viu a humilhação de todo um povo, o quebrantamento. E Deus vê o coração.

A pregação condenatória alcançou os corações carregados de culpa dos ninivitas, até chegar ao rei. A culpa, normalmente, transforma o homem em um medroso, por causa de sua má consciência. 

… Deus se arrependeu… 

Deus não pode pecar e nem nEle há erro. Quando se fala de arrependimento, usa-se uma linguagem humana, de que Deus mudou de idéia.

Capítulo 4: O Grande Deus, a Selfie

1Com isso, desgostou-se Jonas extremamente e ficou irado.

… Com isso…

Não é possível ler o capítulo 4 sem passar por todo o livro. Aqui é uma conclusão. 

É muito interessante perceber que Jonas se expõe totalmente, mostra como ficou seu coração, seus sentimentos.

… desgostou-se extremamente e ficou irado… 

Jonas não era misericordioso. Pela profecia em 2 Rs 14:25 poderia ser uma homem nacionalista, que idolatrava sua nação.

Ainda não se passaram os 40 dias e Deus já se havia arrependido de destruir a cidade.

2E orou ao SENHOR e disse: Ah! SENHOR! Não foi isso o que eu disse, estando ainda na minha terra? Por isso, me adiantei, fugindo para Társis, pois sabia que és Deus clemente, e misericordioso, e tardio em irar-se, e grande em benignidade, e que te arrependes do mal.

… E orou ao SENHOR… 

Podemos observar que Jonas mesmo desgostoso não desabafa com ninguém só com Deus. 

Alias, ainda não encontrei nenhum texto apoiando o desabafo de um homem com outro. 

… Não foi isso o que eu disse…

Nos mostra que Jonas quando se dispôs a fugir, conversou com o Senhor e se expôs. Jonas tinha intimidade com o Criador. Ele tinha idéias firmes de como deveria ser, e não estava gostando das coisas acontecerem da forma de Deus. 

… pois sabia que és Deus clemente, e misericordioso … 

Mais uma vez mostra seu profundo conhecimento de Deus. Ao escrever assim, Jonas se despe, e se revela como um profeta rebelde.

3 Peço-te, pois, ó SENHOR, tira-me a vida, porque melhor me é morrer do que viver.

… tira-me a vida…

Em sua ira, pede a morte, mas nem todo pensamento de morte é desejo de suicídio. 

4 E disse o SENHOR: É razoável essa tua ira?

… É razoável… 

Podemos perceber que amor Deus tem por Jonas. Com a misericórdia relatada por Jonas, Deus começa a conversa.

Jr 31.3 > Com amor eterno eu te amei; por isso, com benignidade te atraí.

Dt 7:9 > guarda a aliança e a misericórdia até mil gerações

1Jo 4:19 > Nós amamos porque ele nos amou primeiro.

Is 54:7-8 > grandes misericórdias torno a acolher-te

5Então, Jonas saiu da cidade, e assentou-se ao oriente da mesma, e ali fez uma enramada, e repousou debaixo dela, à sombra, até ver o que aconteceria à cidade.

… Então, Jonas saiu da cidade… 

Jonas não respondeu ao Senhor, buscou sair de cena. Será que é mais uma fuga? 🏃‍♂️

… até ver o que aconteceria… 

Não tinha terminado o tempo de 40 dias, e já sabia que Deus tinha se arrependido do que prometera. Jonas desejava a destruição, e Deus a conversão.

6Então, fez o SENHOR Deus nascer uma planta, que subiu por cima de Jonas, para que fizesse sombra sobre a sua cabeça, a fim de o livrar do seu desconforto. Jonas, pois, se alegrou em extremo por causa da planta.

… Então… 

O Senhor continua a expressar seu amor, sua misericórdia e sua paciência agora diretamente com Jonas.

… nascer uma planta…

🌟 6º milagre: Uma planta nasceu e cresceu em uma noite para gerar conforto ao Jonas que

… se alegrou em extremo… 

Jonas ficou contente pela planta e conforto surgido. 

7 Mas Deus, no dia seguinte, ao subir da alva, enviou um verme, o qual feriu a planta, e esta se secou.

… enviou um verme… 

🌟 7º Milagre. 

Deus todo poderoso deu ordens:

  • Ao tempo,
  • Ao grande peixe 
  • Novamente ao tempo e,
  • Ao grande peixe
  • Mandou uma planta crescer
  • Mandou um verme comer a planta

8 Em nascendo o sol, Deus mandou um vento calmoso oriental; o sol bateu na cabeça de Jonas, de maneira que desfalecia, pelo que pediu para si a morte, dizendo: Melhor me é morrer do que viver!

… mandou um vento calmoso oriental… 

🌟 8º Milagre. 

Como o bafo que sai quando se abre um forno muito quente. O calor deveria ser quase insuportável. 

… Melhor me é morrer do que viver!…

Repetição do pensamento de morte. Consequência de um coração voltado para si mesmo!

9 Então, perguntou Deus a Jonas: É razoável essa tua ira por causa da planta? Ele respondeu: É razoável a minha ira até à morte.

… É razoável…

O Pai volta a fazer a mesma pergunta. Aliás com Jonas parece que Deus tem que repetir sempre pois é tão cabeça dura que não ouve ou não quer ouvir.

… É razoável a minha ira até à morte.…

Uma resposta enraivada, indignada. Ele não quer papo.

10 Tornou o SENHOR: Tens compaixão da planta que te não custou trabalho, a qual não fizeste crescer, que numa noite nasceu e numa noite pereceu;

… Tens compaixão da planta que te não custou…

Pacientemente o Senhor continua sua argumentação para alcançar o coração de Jonas.

11 e não hei de eu ter compaixão da grande cidade de Nínive, em que há mais de cento e vinte mil pessoas, que não sabem discernir entre a mão direita e a mão esquerda, e também muitos animais?

… não hei de eu ter compaixão…

O Senhor mostra porque tem compaixão daquele povo, daquela nação. 

… não sabem discernir entre a mão direita e a mão esquerda… 

Muitos entendem que se refere aqui a crianças pois Nínive naquele tempo deveria ter em torno de 600 mil habitantes. 

Esta história termina indefinida por que os homens tem cuidar até a morte com as fugas. Ou seja, os fujões SEMPRE precisarão se cuidar por toda a vida.

Começa e termina com Deus falando. Na realidade Jonas é um espelho que expõe de forma totalmente objetiva os pensamentos do homem. É como se o colocasse diante de um espelho revelando a nudez do coração do homem. 

Uma selfie do interior, de cada um de nós

Conclusão 

Como conhecemos esta história? Porque Jonas a contou. Com tantos detalhes pessoais não haveria possibilidade de ninguém ter escrito por ele. E, também, porque Jonas se despiu de sua soberba e se mostrou.

A principal lição que precisamos notar aqui é a misericórdia e soberania de Deus. Misericórdia que não depende do que achamos, esperamos ou pensamos.

Mas Deus, sendo rico em misericórdia, por causa do grande amor com que nos amou, 5 e estando nós mortos em nossos delitos, nos deu vida juntamente com Cristo, — pela graça sois salvos, 6 e, juntamente com ele, nos ressuscitou, e nos fez assentar nos lugares celestiais em Cristo Jesus; 7para mostrar, nos séculos vindouros, a suprema riqueza da sua graça, em bondade para conosco, em Cristo Jesus.

Efésios 2:4-7

E você? Está se vendo? 

Ou só lembrando de outros? 

Eis que os olhos do SENHOR estão sobre os que o temem, sobre os que esperam na sua misericórdia, 19 para livrar-lhes a alma da morte, e, no tempo da fome, conservar-lhes a vida. 20 Nossa alma espera no SENHOR, nosso auxílio e escudo.

Salmos 33:18-20

Bibliografia
  • Pawson, David. A Chave para Entender a Bíblia – O Antigo Testamento, Anchor Recordings. Edição do Kindle, 2018.
  • Lopes, Hernandes Dias, Jonas – O Homem que preferiu morrer a Obedecer a Deus, Hagnos, São Paulo, 2008
  • Baker, David W., Tyndale Old Testament Commentaries, Vida Nova, São Paulo, 2001
Print Friendly, PDF & Email

Related Articles

Sobre o autor Veja todos os posts Author website

Sérgio Avillez

Pastor que nas horas vagas gosta de fotografar o belo.
Oração: Minha necessidade, meu prazer!