Como é difícil seguir as resoluções que tomamos. Parece que tudo conspira contra nós! Se decidimos fazer jejum todas as quartas feiras, somos convidados para diversos eventos justamente neste dia. E sempre há comida!

— Já não aguento mais! Estou exausto comigo mesmo! Eu sou um tonto…

Você já se deparou com uma vontade enorme de desistir de tudo? Ou melhor de abandonar tudo que está dando muito trabalho para realizar? É engraçado, nesta geração do instantâneo, do tempo real (real time) tudo que começa a dar mais trabalho perde o interesse. Se acesso a internet e está muito lenta, fico nervoso. Se ao fazer uma comida e esta começa a dar trabalho, logo desejo mudar para outra mais fácil. Se montar um brinquedo é difícil, busco outro mais simples.

Quase todos não estão muito interessados em alguma coisa que dê trabalho. É a mentalidade do imediato que está sendo impregnada em todas as áreas de nossas vidas. Deu trabalho, não serve.

E quando é você que está dando muito trabalho para você mesmo?

Você vai desistir de você? Você é peixe vivo ou peixe morto? Não entendeu? Simples. O peixe morto é levado pelas ondas. Ele faz o que dita a moda, os costumes ou pior ainda, a mídia. Peixe vivo é aquele que nada contra a maré. Sobe as correntezas de um rio. Persegue um alvo.

Quando a angustia se aproximar da sua alma e surgir a vontade de sair correndo deixando tudo para traz, lembre-se do que está escrito em Filipenses 1.6:

Estou plenamente certo de que aquele que começou boa obra em vós há de completá-la até ao Dia de Cristo Jesus.

Nós estamos tão acostumados a mudar para o mais simples que acreditamos que o Senhor também fará isto. Tenha absoluta certeza que Cristo, nosso amado, nunca age assim.

Isto mesmo, Jesus não abandona nenhum dos seus filhos no meio do caminho. Quando o Senhor começa algum trabalho Ele não deixa incompleto. Ele sempre termina. Se você, como eu, que fomos “transportados do império das trevas para o reino do filho do seu amor” (Cl 1.13) tivermos o ímpeto de correr, corramos para os braços do Pai.Simples, me abrace.

Deus não é homem, para que minta; nem filho de homem, para que se arrependa. Porventura, tendo ele prometido, não o fará? Ou, tendo falado, não o cumprirá? Nm 23.19

 Fiel é o que vos chama, o qual também o fará. 1Ts 5.24

 

Foto É Simples, me abrade by SAvillez

Print Friendly, PDF & Email

Related Articles

Sobre o autor Veja todos os posts

Pela Manhã

Faze-me ouvir, pela manhã, da tua graça, pois em ti confio; mostra-me o caminho por onde devo andar, porque a ti elevo a minha alma. Salmos 143.8