Só os que realmente se amam respeitam o silêncio do outro. O silencio muitas vezes incomoda, dói e pode até parecer agressão. Todavia o silêncio é como uma calmaria depois da tempestade: um tempo para reflexão, para entender onde o Senhor quer nos levar.

Lógico que não estou falando do silêncio da brabeza ou do protesto. Este é com o intuito de provocar e agredir o outro. O silêncio que falo é da bonança, que vem depois da lágrima. O silêncio das consolações do Pai. Com a dor do nascimento vem o choro. Em seguida, o pequenino ser, no colo suave de sua mãe fica a ouvir as batidas dos corações: o dele e o dela. O silêncio se instaura.

Assim o casal deve respeitar cada um o silêncio do outro. Deixe que cada um ouça o seu próprio coração. Respeite a necessidade desta conversa tão íntima e calorosa: o silêncio. No momento certo volta-se as outras linguagens. Volta-se ao mundo barulhento.

Este é um tempo em secreto com Deus. E, do ouvir ao Pai. Quem espera deve ter paciência até que as águas vivas voltem a fluir do interior do próximo. Este é um tempo muito bom para orar e clamar pelo necessitado. Dêem tempo ao tempo e logo tudo se ajustará.

Agora, o silencioso deve abreviar ao máximo este tempo para não angustiar o outro. Deixar claro que não está com problema com o próximo: é seu coração que está em reboliço, é sua mente que necessita de pausa. Aproveite para anotar o que o Pai lhe fala. Anote e compartilhe em ocasião oportuna.

“Falou mais Moisés, juntamente com os sacerdotes levitas, a todo o Israel, dizendo: Guarda silêncio e ouve, ó Israel! Hoje, vieste a ser povo do SENHOR, teu Deus.” Deuteronômio 27:9

“As palavras dos sábios, ouvidas em silêncio, valem mais do que os gritos de quem governa entre tolos.”Eclesiastes 9:17

“Bom é aguardar a salvação do SENHOR, e isso, em silêncio.” Lamentações 3:26

divider2

No dia 26 de novembro de 2013, aos 23 anos faleceu Davi Wesley, um jovem amigo de Campina Grande, Pb. Em grande silêncio pude ser profundamente consolado pelo Pai. Se você quiser ler estas palavras de consolo que o Pai nos deu naquele dia, clique aqui.

Print Friendly, PDF & Email
               

Related Articles

Sobre o autor Veja todos os posts Author website

Sérgio Avillez

Pastor que nas horas vagas gosta de fotografar o belo.
Oração: Minha necessidade, meu prazer!